Pular para o conteúdo principal

Sobre nascimentos e lançamentos

Quando eu estava grávida da Júlia só conseguia pensar em bebê, maternidade, enxoval, novas responsabilidades... do auge dos meus 19 anos eu passava horas pesquisando na internet sobre esses e outros assuntos. Foi quando comecei a ficar monotemática. Mas com a cabeça a mil essa era a forma que eu conseguia fazer acalmar a ansiedade... super valeu!

Logo descobri alguns blogs de mães que participavam de uma lista de e-mail's que eu acompanhava (e aproveitava para tirar minhas dúvidas). "Mães Empodeiradas"... ainda existe? Tem alguém aí dessa época? Achei aquilo tudo muito divertido e criei - ainda grávida - um blog para relatar os compassos e descompassos da minha gravidez. Falava muito de enxoval, do desenvolvimento da barriga, falei de frustrações e de perdas. E tudo terminou quando eu relatei o parto. Meu blog acabou ali. Aliás, minha vida online acabou com o nascimento da Juju. Parecia coisa demais para mim. Faculdade, filha e blog. Bobinha...

A gravidez da Joana fez com que eu me lembrasse daquelas longas horas ao computador... acompanhando a vida de outras grávidas, outras mães. Dei uma pesquisada em alguns blogs que ainda me lembrava o nome daquela época e encontrei uns 3... mas só o Circo do Lorenzo da Luciana - agora Miss Brasil - continuava hiper na ativa. Aliás, Lorenzo já tem 2 irmãos! Comecei a ler novamente... conheci novos cantinhos, novas histórias e resolvi fazer um novo blog... já estava com umas 17 semanas de gestação. Assim nasceu o 2-ao-quadrado. Mas por quase 1 ano ele ficou fechadinho só para mim... e para quem eu enviava o link. Até que eu me vi tão envolvida com algumas pessoas que tive vontade de me apresentar. Sair do medo da exposição e desfrutar do prazer da partilha. De lá pra cá ficou tudo ainda mais gostoso!

O 2-ao-quadrado ficou oficialmente público quando, pela primeira vez, participei de uma blogagem coletiva - Maternidade Real - que foi um sucesso... e o primeiro evento offline que participamos - Mamaço Nacional - fez crescer ainda mais a vontade de conhecer mais e mais pessoas e dividir as alegrias, angústias, conquistas e mágoas. Adorei ver ao vivo tantas mães e famílias que eu já tinha conhecido pelos posts.

O mais gostoso para mim de participar dessa blogosfera materna é sentir que sempre tem alguém comigo. Sempre tem uma palavra de força, uma crítica que me faz refletir, tem compaixão, sempre tem alguém com uma novidade, alguém mostrando um caminho a seguir, sempre tem alguém da turma do 'não concordo' que reforçam minhas convicções, alguém que já passou pelo meu momento e sempre tem AMOR. São tantos posts com textos e imagens lindos que inflam minha alma e encharcam meus olhos! Amo! Não sei mais viver sem... E olha que hoje tenho filhaS, marido, casa, trabalho... e blog! Sempre vai ter o tempinho pra ele, o tempinho que acima de tudo é meu.

A novidade agora dessa blogosfera materna é o Minha Mãe que Disse... um blog que foi idealizado pela Roberta e pela Flávia para concentrar num só lugar todas as cumadres blogueiras. Imagina só o zum-zum-zum... é falação que não acaba mais!!! :-) Gostou? Eu também... passa que vale a pena!

E, ah!!, é "claro que eu  estou participando do sorteio de lançamento do Minha Mãe que Disse!"

Comentários

  1. Oi Fabiana!
    Encontrei seu blog lá no Mmqd e vim conhecer!
    É sempre bom compartilhar nossas experiências maternas!
    Ah! Aproveito pra te convidar do sorteio que tá acontecendo lá no meu bloguinho! O prêmio é um lindo adesivo decorativo!
    Um abç,Maura, mamãe da Sophia

    ResponderExcluir
  2. Oi Fabiana!
    Que legal saber um pouco mais da sua história! Também me sinto assim, super feliz por poder compartilhar um pouco da minha história e, ao mesmo tempo, participar um pouquinho da vida de tantas pessoas bacanas!
    Beijo,
    Karen
    http://multiplicado-por-dois.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  3. Oi, Fabiana!
    Indico você para receber o selinho - Seu blog me ensina muito: http://maeperfeita.wordpress.com/selos/
    Um beijo,
    Marusia

    ResponderExcluir
  4. Oi, Fabiana!
    Indico você para receber o selinho - seu blog me ensina muito: http://maeperfeita.wordpress.com/selos/
    Um beijo!
    Marusia

    ResponderExcluir
  5. Eu já tive vários blogs, o ultimo foi o Segredos de Liquidificador, que tbém acabou com o nasIomento da Letícia. Retomei agora e amo esse mundo da blogosfera materna cheio de diversidade e possibilidades. Tbém estou lá no Minha mãe que Disse...Bjos e boa semana!

    ResponderExcluir
  6. Obrigada, Marusia!!
    Sempre fico lisonjeada de receber selinhos!!! Ainda iriei me acertar com eles!
    Beijooos

    ResponderExcluir
  7. Seja bem vinda, Maura!!!
    Vou passear lá no seu cantinho agora! Beijos

    ResponderExcluir
  8. Comecei neste mundo dos blog agora é muito bom trocar experiencias... saber que muitas vezes tem pessoas tão longe passando pelo mesmo que nós. prazer

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Diz o que achou, conte da sua experiência.
Comenta! Suas palavras me inspiram...

Postagens mais visitadas deste blog

Parto da Jade

Passei a gestação inteira dizendo que ela chegaria no mês de julho. Estratégia para aplacar a ansiedade alheia, já que doce espera sempre teve mais a ver com puta agonia pra mim. Não vou mentir, parece piada, mas não consigo curtir gravidez. Passo muito mal no início, depois fico mega prostrada, minha irritabilidade alcança níveis desumanos (pergunta lá pro marido!) e, por fim, engordo absurdamente. Não vejo graça. Lógico que tem o lado bom da coisa. Cabelos sedosos, filas preferenciais e, claro, o bebê que tá lá dentro. Quando os chutes não miram suas costelas, posso garantir, não há melhor sensação no planeta.
A DPP (data prevista pro parto), dia em que a gestação alcança 40 semanas, era 27 de junho. Eu tinha toda a fé do mundo que ela chegaria bem antes disso. Era tanto cansaço que rolava, uma impaciência tão grande da minha pessoa, que o bebê obviamente desejaria sair logo dali. Ambiente desfavorável. E eu conversava incansavelmente com a barriga sobre as vantagens de se viver aqui…

O parto dos gêmeos - Parte 3 (final)

Depois de finalizar a burocracia da internação, fomos finalmente para o quarto onde ficamos acompanhando as contrações que estavam mais ou menos de 3 em 3 minutos. E assim seguiram até 5h da manhã quando tive uma parada de progressão. Parou. Tudo. Eu não sentia mais absolutamente nada. Lembro-me bem do medo. Medo de chegar até ali e acabar morrendo na praia. Eu estava então com 5 cm de dilatação. Voltar para casa não era mais possível. "- Só sairemos desse hospital com os bebês nos braços.", falou Dra. Caren. Juan ficou super ansioso com isso! Eu e Taíza começamos a caminhar pelo hospital, subimos e descemos as escadas. Todos olhavam para nós. Eu devia ser a maluca do parto normal de gêmeos. Chamamos uma acunpunturista para fazer uma sessão de indução. Taíza deu uma saída para preparar um chá especial pra mim, tomar um banho e trazer mais óleo de rícino pra eu tomar. E nada acontecia. Eu não sentia mais nada.




Já por volta das 15h30 do dia 18/09, após 10h esperando o retorno d…

Eu sou gorda?

Eu nem sei quantas vezes devo ter feito essa pergunta à minha mãe. Nem sei se a fiz um dia. Lembro de me olhar no espelho e ter uma única certeza... eu era gorda. Aliás, era essa a única forma de me magoar com palavras (e meus irmãos sabiam bem disso, valeu galera!!). Já fiz dietas loucas, já fiquei sem comer para compensar, já chorei litros porque o espelho era mau comigo. Sofri horrores a minha infância inteira por conta da barriga. Minhas amigas sempre eram baixinhas e magrinhas... eu sempre fui grande, larga, forte. Vendo as fotos antigas nem me acho gorda. Cheinha, talvez. Mas o bullying (agora que tem nome bonito não vou deixar de usar) sofrido por anos deixou marcas que me acompanham e ainda me assombram.
Depois que me tornei mãe da Júlia meu maior medo era que ela passasse pelo o que passei.
Com 1 mês e meio de vida Júlia começou a tomar complemento, pois eu não tinha leite (e nem informação) suficiente. Ela rapidamente ganhou peso e desde então sua barriguinha se mostrou salien…